simule agora sua economia

Tenha em mãos a sua fatura de energia e faça a sua simulação.

Digite seu Nome Completo!
Digite um CNPJ válido!
Digite o nome da sua empresa!
Digite um Telefone válido!
Digite um E-mail válido!
Selecione a Distribuidora
Selecione o Valor Médio da Fatura!

Estratégias inteligentes para reduzir os custos com energia em empresas

Muitos sabem que a gestão eficiente dos custos de energia é uma preocupação constante para empresas de todos os portes. Com a crescente conscientização sobre a importância da sustentabilidade e a busca por maior eficiência financeira, adotar medidas para reduzir o consumo de energia se tornou uma prioridade.

Pois é pensando nisso que vamos explorar estratégias práticas e eficazes que, combinadas à adesão ao Mercado Livre de Energia, podem resultar em economias significativas para o seu negócio. Vamos lá?

Faça uma revisão elétrica generalizada

Antes de implementar qualquer estratégia, é fundamental entender como a energia é consumida em sua empresa. Realize uma revisão elétrica completa para identificar desequilíbrios de carga, sobrecargas e desperdícios. Isso permitirá que você direcione suas ações de forma precisa e eficaz.

Saiba mais sobre revisão elétrica acessando este link.

Realize adaptações nas dependências físicas da empresa

Pequenas alterações nas instalações físicas podem ter um impacto significativo no consumo de energia. Invista em isolamento térmico, janelas eficientes e iluminação LED. Estabelecer zonas de iluminação por sensor de movimento e temporizadores reduz o desperdício durante os horários em que as áreas não estão em uso.

Otimize o uso do ar-condicionado

O ar-condicionado é um dos principais vilões no consumo energético. Mantenha as temperaturas em níveis confortáveis, evitando configurações extremas, e faça manutenções regulares nos sistemas para garantir seu funcionamento eficiente. Considere também a instalação de sistemas de climatização mais modernos e sustentáveis.

Use equipamentos com consumo de energia A – Selo Procel

Na escolha de equipamentos, priorize aqueles com classificação A no Selo Procel. Essa certificação atesta a eficiência energética dos produtos, garantindo um menor consumo ao longo do tempo. Invista em máquinas, computadores e outros dispositivos que otimizem o uso consciente de energia elétrica.

Aprenda a interpretar a conta de luz de sua empresa

A análise detalhada da conta de energia elétrica de uma empresa é fundamental para compreender o consumo, identificar possíveis desperdícios e implementar estratégias de redução de custos. Ao examinar a conta, é essencial observar os seguintes postos-chaves:

  1. Consumo total: Verifique o consumo total de energia registrado no período. Compare-o com os meses anteriores para identificar tendências de aumento ou redução.
  2. Demanda contratada: Entenda qual é a demanda de energia contratada com a distribuidora. Este é um valor fixo que influencia a tarifa e pode ser ajustado para otimizar os custos.
  3. Demanda registrada: Analise a demanda registrada, que é o pico de energia consumido em um intervalo de 15 minutos. Controlar essa demanda pode evitar cobranças extras e tarifas mais altas.
  4. Tributos e encargos: Identifique os impostos, taxas e encargos setoriais presentes na conta. Entender esses valores é essencial para calcular o custo real da energia consumida.
  5. Energia reativa: Verifique se há cobranças relacionadas à energia reativa, que é a energia desperdiçada no processo de conversão de energia elétrica em trabalho. Adotar medidas para reduzir essa energia pode resultar em economia.
  6. Horário de ponta e fora de ponta: Muitas tarifas variam de acordo com o horário de consumo. Identifique os períodos de horário de ponta e fora de ponta e considere ajustar o uso de equipamentos de maior consumo durante os horários mais vantajosos.
  7. Leitura do medidor: Verifique se a leitura do medidor está correta. Erros na leitura podem levar a cobranças indevidas.
  8. Gráfico de consumo: Alguns fornecedores fornecem um gráfico de consumo ao longo do período. Isso ajuda a identificar padrões e picos de consumo, auxiliando na implementação de medidas de eficiência.
  9. Comparativo de consumo: Algumas contas oferecem uma comparação de consumo com o mesmo período do ano anterior. Isso pode fornecer insights sobre o impacto de ações anteriores de redução de consumo.
  10. Tarifas e classificação: Verifique a tarifa aplicada e a classificação da tensão (baixa, média ou alta). Isso influencia diretamente o custo da energia.
  11. Histórico de pagamentos: Avalie o histórico de pagamentos para garantir que não haja pendências ou cobranças em atraso.
  12. Custos adicionais: Observe se há custos adicionais relacionados a serviços específicos, como iluminação pública, por exemplo.
  13. Fornecedores alternativos: Esteja ciente das opções disponíveis no Mercado Livre de Energia, onde você pode escolher seu fornecedor e tarifa. Avalie se essa é uma alternativa viável para reduzir custos.

Uma análise criteriosa desses elementos permitirá que você tenha um entendimento claro dos fatores que influenciam os custos de energia da sua empresa, possibilitando a implementação de medidas eficazes para redução de consumo e despesas.

Defina metas de redução de consumo

Estabeleça metas claras e alcançáveis para a redução de consumo de energia. Envolva os colaboradores nesse processo, promovendo a conscientização e a participação de todos. Criar uma cultura de consumo sustentável é essencial para alcançar resultados consistentes.

Mantenha uma rotina de manutenções preventivas nos equipamentos

Equipamentos sem conservação tendem a consumir mais energia. Implemente um cronograma de manutenções preventivas para garantir o funcionamento eficiente de máquinas e sistemas. Trocas regulares de filtros, lubrificação adequada e ajustes técnicos contribuem para reduzir o consumo energético.

Entre para o Mercado Livre de Energia

Uma das estratégias mais eficazes para reduzir consideravelmente os gastos com energia é aderir ao Mercado Livre de Energia. Nesse modelo, sua empresa pode escolher seu fornecedor e negociar preços diretamente, proporcionando maior controle sobre os custos energéticos. Além disso, a competição entre os fornecedores pode resultar em tarifas mais atrativas.

A transição para o Mercado Livre de Energia exige um estudo detalhado e a escolha do plano mais adequado às necessidades de sua empresa. Consultorias especializadas podem auxiliar nesse processo, garantindo que você aproveite todas as vantagens desse modelo.

Em resumo, reduzir os custos com energia em empresas requer uma abordagem estratégica e abrangente. Desde a revisão elétrica até a adesão ao Mercado Livre de Energia, cada passo conta para a busca por eficiência e economia. Ao adotar essas medidas, sua empresa não apenas reduzirá os gastos, mas também se posicionará como uma organização comprometida com a sustentabilidade e a gestão responsável dos recursos.

Comece a transformação energética em sua empresa e colha os benefícios de uma abordagem mais consciente e eficiente para o consumo de energia elétrica. O futuro do seu negócio e do meio ambiente agradecem!

Faça uma simulação para a Energia Livre Cemig.

Faça sua simulação
pelo Whatsapp